RSS

mas quem não quer dizer Tchau?

Oito anos atrás, numa viagem aos Estados Unidos para cuidar da gravação de seu segundo disco solo, Para quando o Arco-Íris Encontrar o Pote de Ouro, Nando Reis ouviu do produtor americano Jack Andino o seguinte diagnóstico: "Seu trabalho está melhor que o da sua banda". E realmente estava.

Em meados do ano de 2002, Nando Reis deixou os parceiros de 20 anos para trás, e despontou como a mais nova voz solo da MPB. Seu primeiro disco após a ruptura, A letra A, foi mais bem sucedido que o Álbum de sua ex-banda, Como estão vocês?, lançado alguns meses depois. Foi nessa época que o titã Tony Bellotto declarou à revista da MTV que o grupo estava aliviado com a saída de Nando: "nós perdemos um bom letrista. Um péssimo cantor". Tony estava meio certo (e consequentemente meio errado); meio certo porque a voz e o tempo de Nando Reis são desastrosos, assim como a grande maioria de seus shows, que não passam perto de qualquer apresentação titânica (falo por experiência própria); meio errado porque eles não perderam um bom letrista. Foi o maior letrista do Rock Nacional Brasileiro, desde Cazuza, que deixou a banda paulista pela porta dos fundos.

Enquanto a fonte de inspiração dos Titãs estava quase seca, Nando pôde experimentar tudo aquilo que lhe foi censurado. Os Titãs são uma banda consagrada. Mas que não mais se encontra, apenas segue tendências (e emplaca algum hit ou outro em novelas "dassete"). A Poesia terminou. Mas em Nando ela transborda: Experimentem ouvir "ISSO" de Tony Bellotto (A MELHOR BANDA DE TODOS OS TEMPOS DA ÚLTIMA SEMANA, 2001). Logo após, ouçam "QUEM VAI DIZER TCHAU?" (PARA QUANDO O ARCO-ÍRIS ENCONTRAR O POTE DE OURO, 2001, download ou compre na Saraiva). São Músicas que falam de um amor velho que não dá mais certo. Espero que vocês encontrem a diferença e entendam aonde eu quero chegar.
- As duas músicas estão disponíveis no fim do post.

E eu não estou sozinho. Desde sua saída oficial da banda, Nando Reis gravou 5 discos e vendeu duas vezes mais do que os Titãs, que gravaram 4 CDs (algo em torno de 400 mil para 190 mil). Só o álbum Nando Reis Ao Vivo-MTV vendeu 175 000 cópias. Isso é quase 100% das vendas de sua ex-banda desde 2002, e seis vezes mais do que o Ao Vivo Titãs-MTV, lançado em 2003.

Para terminar (não que eu não tenha mais o que falar), eu mesmo tenho todos os 8 discos do Nando Reis (CDs, daquele que a gente compra mesmo, não daquele que baixa na Internet), e posso dizer que ele é o único titã com capacidade e acervo intelectual, musical, poético, para manter uma carreira solo estável. Sergio Britto e Paulo Miklos já tentaram gravar um disquinho solo cada, mas o resultado foi desastroso - Britto, por exemplo, teve que cancelar a turnê por falta de público - sabem por quê? Pois não sabem compor e "musicar" sozinhos. As duas vozes mais bonitas dos Titãs (não estou sendo irônico, mesmo) não sabem ser independentes. Enquanto Nando e sua voz
medonha, digamos, exótica (e que está melhorando) têm o que os falta. Brilhantismo.

Afinal, Tony, voz ruim a gente acostuma. O problema é música velha e ruim.

Bruno Alcantara.


Get this widget | Track details | eSnips Social DNA


1 comentários:

darsh. disse...

bruno jornalista. :)

Postar um comentário